segunda-feira, 30 de março de 2015

FALANDO SOBRE INELEGIBILIDADES

Foi publicada uma pesquisa no Jornal Noroeste News da semana passada, que dava números a possíveis candidatos a prefeito de Caraguá. Os dois primeiros colocados, foram o Antônio Carlos Junior com 26% e em segundo o Aguilar com 22%, o que somaria 48% das intenções de voto. Ai eu fui avaliar a objetividade da pesquisa e conclui que, levando-se em conta que o Junior é inelegível para prefeito porque, segundo a constituição do Brasil, filho não pode suceder pai em cargo de prefeito, e do outro lado, ainda que haja discussões sobre o fato, o meu amigo Aguilar, pessoa por quem nutro respeito, também está inelegível pelo fato de ter as contas de seu mandato de prefeito, rejeitadas pela câmara municipal, com base em relatório do Tribunal de Contas.
Tem gente defendendo a possibilidade de o Aguilar conseguir liminar que o permita candidato, mas essa não é a minha convicção. Contudo, deixemos uma fresta de luz para a possibilidade de ambos conseguirem algum milagre junto à justiça eleitoral.
Levando-se em conta a situação de hoje, já que nenhum dos dois tem em mão liminares e nem decisões judiciais específicas permitindo as suas candidaturas, a pesquisa não tem nenhuma utilidade prática ainda que respeitemos os seus realizadores, porque 48% das manifestações dos eleitores seriam anulados, o que modificaria todo o quadro e algum candidato que nem faz parte da lista poderá abocanhar toda essa votação e ser o vencedor num possível pelito para prefeito.

Correção:  A Cássia presidente do PT, quando leu o resultado da pesquisa estava com um exemplar do Jornal Noroeste News, mas não se tratava de uma publicação daquele jornal e sim de algumas anotações feitas nos espaços em branco do jornal, feitas pelo assessor de um certo vereador de Caraguá. Ai a pesquisa fica ainda menos crível. O Blog achou que se tratasse de matéria do jornal.


Um comentário:

Ongolhovivo Olhovivo disse...

Tem gente por ai, nervosa e quer saber se apareceu na pesquisa. Político adora essas especulações. O telefone está agitado.